MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contactos  separador  Ajuda  separador  Links  separador  Mapa do Site
 
terça-feira, 7 de dezembro de 2021    APRESENTAÇÃO    PESQUISA ORIENTADA    PESQUISA AVANÇADA    EXPOSIÇÕES ONLINE    NORMAS DE INVENTÁRIO 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

 


 
     
     
 
FICHA DE EVENTO
Museu:
Museu Dr. Joaquim Manso
Tipo:
Exposição
Denominação:
Nazaré. Quem não rema já remou
Datação:
2014 - 2014
Local:
Museu Francisco Tavares Proença Júnior, em Castelo Branco
Descrição:
De 23 de junho a 28 de setembro, o Museu Dr. Joaquim Manso apresentou no Museu Francisco Tavares Proença Júnior, em Castelo Branco, a exposição “Nazaré. Quem não rema já remou”. Na Nazaré, “quem não rema já remou” é uma expressão que demonstra que, de uma maneira ou de outra, há sempre alguém na família ligada ao mar. Embarcações e traje tradicionais são símbolos dessa proximidade marítima, essencial para uma pequena vila piscatória do Centro de Portugal. Tradição e memória são traços de uma identidade, sobre a qual a Nazaré continua a viver e que tanto atraiu (e atrai) artistas, escritores, turistas e gentes de todo o mundo. Procuram a singularidade desta comunidade que, agora aberta ao turismo, à época balnear e ao surf, permanece, no entanto, fiel a hábitos de convívio social muito próprios, com a rua e a praia como palcos e uma paisagem única, onde “o mar é o eterno protagonista”! Uma seleção de embarcações (miniaturas), fotografia de Álvaro Laborinho, desenho de Abílio de Mattos e Silva e traje de festa e de trabalho, levaram o mar até ao Museu de Castelo Branco, convidando também aquela cidade do interior a visitar a Nazaré e o Museu Dr. Joaquim Manso. Esta exposição foi organizada no âmbito da itinerância entre os museus da Direção Regional de Cultura do Centro.
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Termos e Condições  separador  Ficha Técnica