MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contactos  separador  Ajuda  separador  Links  separador  Mapa do Site
 
domingo, 5 de dezembro de 2021    APRESENTAÇÃO    PESQUISA ORIENTADA    PESQUISA AVANÇADA    EXPOSIÇÕES ONLINE    NORMAS DE INVENTÁRIO 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

 


 
     
     
 
FICHA DE INVENTÁRIO
Museu:
Museu Nacional Soares dos Reis
N.º de Inventário:
176 Pin MNSR
Supercategoria:
Arte
Categoria:
Pintura
Título:
Caprile (estudo)
Datação:
1882 d.C.
Suporte:
Tela
Técnica:
Óleo
Dimensões (cm):
altura: 75,5; largura: 51,5;
Descrição:
O título atribuído a esta obra pelo autor, "Antes do Sol (...)" indica-nos que o registo da paisagem foi feito ao nascer do dia. A encosta de monte aqui representada desenvolve-se num acentuado declive oposto ao lado em que o sol nasce. Há uma luminosidade homogénea que entra no quadro pela abertura na parte superioir onde é visível o céu azul com nuvens. Na composição ressaltam as sombras, nomeadamente nos azuis/ cinza da vegetação e das rochas, sempre em contraste com os ocres e os verdes da paisagem. Pelo caminho, construído em patamares e degraus, desce uma figura de modelo jovem feminino trajando vestido azul com um xaile (ou lenço) branco sobre os ombros, com as pontas cruzadas sobre o peito, e um avental de tonalidade clara, próxima da cor do lenço. A pequena figura que desce o caminho, voltada para o observador, transporta um cesto à cabeça e um outro com a asa enfiada no braço do lado esquerdo. É uma figura de modelo semelhante a algumas outras presentes em obras do artista: refiro-me, nomeadamente às presentes nas obras 99 Pin MNSR e 100/ 60 Pin MNSR. Todo o trabalho de execução do quadro traduz uma prática de pintura rápida, com pinceladas vibrantes que sugerem as formas, fazendo presumir um tempo breve na sua realização: no primeiro plano esta evidência é reforçada pela maior quantidade de tinta deixada pelo pincel.
Incorporação:
Outro - Fundo Antigo do Museu proveniente da Escola de Belas Artes do Porto (antiga Academia Portuense de Belas Artes).
Origem / Historial:
Esta paisagem integrou a segunda remessa de pensionista do Estado enviada à Academia Portuense de Belas Artes, como consta no "Relatório" do pensionista, datado de 27 de Fevereiro de 1883. Pertence ao Fundo Antigo do Museu: o antigo Museu Portuense, criado em 1833, passa a ser tutelado por uma Comissão de professores da Academia de Belas Artes do Porto, a partir de 1839, e as duas instituições passaram a partilhar o mesmo espaço e tutela. Em 1932 é feita a partilha do acervo existente pelas duas instituições, o Museu Soares dos Reis (antigo Museu Portuense) e Escola de Belas Artes (antiga Academia): dessa divisão foi registada uma “Relação dos objectos existentes no Museu Soares dos Reis pertencentes ao Estado”, datada de 1 de Novembro de 1932 e firmada por João Marques da Silva e por Vasco Valente, respectivamente, director da Escola de Belas Artes e do Museu Soares dos Reis.
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Termos e Condições  separador  Ficha Técnica