MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contactos  separador  Ajuda  separador  Links  separador  Mapa do Site
 
quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024    APRESENTAÇÃO    PESQUISA ORIENTADA    PESQUISA AVANÇADA    EXPOSIÇÕES ONLINE    NORMAS DE INVENTÁRIO 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

 


 
     
     
 
FICHA DE INVENTÁRIO
Museu:
Museu Nacional Soares dos Reis
N.º de Inventário:
506 Cer CMP/ MNSR
Supercategoria:
Arte
Categoria:
Cerâmica
Denominação:
Aquário
Autor:
Desconhecido
Local de Execução:
Portugal
Centro de Fabrico:
Porto
Oficina / Fabricante:
Fábrica de Miragaia
Datação:
1775 d.C. - 1822 d.C.
Matéria:
Faiança
Técnica:
Faiança moldada, com esmalte estanífero branco e decoração pintada a azul, verde, amarelo e vinoso
Dimensões (cm):
altura: 33; largura: 33,3; comprimento: 48,5;
Descrição:
Aquário moldado, em forma de tronco de pirâmide invertida, com os cantos cortados e côncavos e assente sobre pés voltados para o exterior em forma de golfinhos em relevo, que se prolongam pelos cantos das paredes. Paredes laterais vazadas e com vidros, tendo na zona inferior de um dos lados maiores uma torneira para escoamento da água. Tampa em forma de calote rebaixada, com gomos e vazada, nos ângulos laterais, no topo e nos elementos decorativos dispersos. Faiança com esmalte branco e decoração relevada e pintada a verde, azul, amarelo e vinoso. Enquadrando os lados e cimo de cada uma das paredes vazadas do aquário, duas enguias em S, unidas por grinaldas ondulantes de folhas com flor ao centro, em relevo. Nas zonas inferiores, pequenos ramos de folhas também em relevo. Tampa semeada de motivos florais polícromos.
Incorporação:
Depósito da Câmara Municipal do Porto no Museu Nacional de Soares dos Reis
Origem / Historial:
Esta peça foi adquirida para o Museu Municipal do Porto em 1930. Pertenceu a Camila de Brederode Guimarães, da Casa da Ponte da Pedra. Foi incluída no Inventário Geral do Museu Municipal do Porto de 1938/39, cujo acervo foi depositado no Museu Nacional de Soares dos Reis em 1940/41, conforme o disposto no Decreto-Lei 27.879 de 21 de Julho de 1937.
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Termos e Condições  separador  Ficha Técnica