MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contactos  separador  Ajuda  separador  Links  separador  Mapa do Site
 
domingo, 21 de julho de 2019    APRESENTAÇÃO    PESQUISA ORIENTADA    PESQUISA AVANÇADA    EXPOSIÇÕES ONLINE    NORMAS DE INVENTÁRIO 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

 


 
     
     
 
FICHA DE INVENTÁRIO
Museu:
Museu Nacional de Arte Antiga
N.º de Inventário:
2 Pint
Supercategoria:
Arte
Categoria:
Pintura
Título:
Aparição de Cristo à Virgem
Autor:
Frei Carlos
Local de Execução:
Évora
Oficina / Fabricante:
Oficina do Convento do Espinheiro
Datação:
1529 d.C.
Matéria:
Óleo
Suporte:
Madeira de carvalho
Técnica:
Pintura a óleo
Dimensões (cm):
altura: 173; largura: 129,5;
Descrição:
O tema central - a Aparição de Cristo à Virgem - surge representado no lado direito da composição, num interior abobadado que remete para a arquitectura do Renascimento Italiano. Contudo, quer pelos valores lumínicos e recurso a uma paleta colorida e quente, quer, sobretudo, por um certo arcaísmo recorrente na arte flamenga do século XVI, visível, por exemplo, na representação da figura humana, este quadro denota a origem flamenga de Frei Carlos e a influência que o gótico flamejante das escolas ganto-bruguenses exerceu na sua obra. A Virgem - que está voltada para o centro do quadro onde surge a figura de Cristo ressuscitado envolto num amplo manto vermelho, ostentando na mão esquerda uma cruz processional e fazendo o sinal da benção com a mão direita - encontra-se ajoelhada junto de uma banqueta em cima da qual está um livro aberto. Ao fundo, enquadrados por uma arcaria, aparecem os justos saídos do limbo, destacando-se, em primeiro plano, Adão, Eva e Moisés. O ano de 1529 inscrito numa cartela sustentada por um anjo colocado no topo de uma arquitrave, marca uma linha invisível que delimita o centro da composição e que separa os dois registos da cena: a acção que decorre no interior, e a que tem lugar no exterior. Aqui, as figuras dominantes são Santa Maria Madalena, que segura um frasco de bálsamo, Marta e Maria.
Incorporação:
Transferência - Convento do Espinheiro, Évora.
Origem / Historial:
* Forma de Protecção: classificação; Nível de classificação: interesse nacional; Motivo: Necessidade de acautelamento de especiais medidas sobre o património cultural móvel de particular relevância para a Nação, designadamente os bens ou conjuntos de bens sobre os quais devam recair severas restrições de circulação no território nacional e internacional, nos termos da lei n.º 107/2001, de 8 Setembro e da respectiva legislação de desenvolvimento, devido ao facto da sua exemplaridade única, raridade, valor testemunhal de cultura ou civilização, relevância patrimonial e qualidade artística no contexto de uma época e estado de conservação que torne imprescindível a sua permanência em condições ambientais e de segurança específicas e adequadas; Legislação aplicável: Lei n.º 107/2001, de 8 de Setembro; Acto Legislativo: Decreto; N.º 19/2006; 18/07/2006 *

Tipo

Descrição

Imagem

imagem

Imagem

Número de inventário: IFN 942 Autor: Luís Pavão Localização: DDF

imagem

imagem

Imagem

Número de inventário: 10916 Autor: Abreu Nunes Localização: MNAA

imagem
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Termos e Condições  separador  Ficha Técnica