MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contactos  separador  Ajuda  separador  Links  separador  Mapa do Site
 
sábado, 15 de dezembro de 2018    APRESENTAÇÃO    PESQUISA ORIENTADA    PESQUISA AVANÇADA    EXPOSIÇÕES ONLINE    NORMAS DE INVENTÁRIO 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

 


 
     
     
 
FICHA DE INVENTÁRIO
Museu:
Museu do Chiado – Museu Nacional de Arte Contemporânea
N.º de Inventário:
1302-B
Supercategoria:
Arte
Categoria:
Pintura
Denominação:
O Aterro em 1881
Autor:
Keil, Alfredo Cristiano (Lisboa, 1850 - Hamburgo, Alemanha, 1907)
Datação:
1881 d.C.
Matéria:
Óleo
Suporte:
Madeira
Técnica:
Pintura a óleo
Dimensões (cm):
altura: 9; 14; largura: 15; 30,5;
Descrição:
Marinha. Um cais junto do Tejo, na zona de Santos ou do Cais do Sodré, ao fim da tarde, com um grupo de figuras em primeiro plano, ocupadas com o carregamento do peixe, e mais à frente dois indivíduos junto de um candeeiro, mirando o rio. Várias embarcações animam as águas do Tejo, destacando-se à direita, e recortando-se nos tons laranjas e violetas do céu crepuscular, o cruzamento dos mastros de alguns veleiros.
Incorporação:
Doação - Luís Keil
Origem / Historial:
Intervenções de conservação e restauro: - Em 1993, no Laboratório José de Figueiredo (processo nºrest.172/93). Tratamento: Remoção de vernizes escurecidos com white spirit e pequena percentagem de álcool; finalização de pequenas faltas com tinta de óleo e verniz; aplicação de verniz de retoque no final.
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Termos e Condições  separador  Ficha Técnica