MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contactos  separador  Ajuda  separador  Links  separador  Mapa do Site
 
quinta-feira, 19 de maio de 2022    APRESENTAÇÃO    PESQUISA ORIENTADA    PESQUISA AVANÇADA    EXPOSIÇÕES ONLINE    NORMAS DE INVENTÁRIO 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

 


 
     
     
 
FICHA DE INVENTÁRIO
Museu:
Museu do Chiado – Museu Nacional de Arte Contemporânea
N.º de Inventário:
52
Supercategoria:
Arte
Categoria:
Pintura
Denominação:
Uma manhã em Creys
Autor:
Andrade, Alfredo de (Lisboa, 1839 - Génova, Itália, 1915)
Datação:
1863 d.C.
Matéria:
Óleo
Suporte:
Tela
Técnica:
Pintura a óleo
Dimensões (cm):
altura: 58; 85; largura: 100; 124;
Descrição:
Paisagem. Uma figura sentada de costas na vegetação de uma charneca, em primeiro plano, pontuada por algumas árvores no horizonte, com uma lagoa ou pântano à sua frente, que reflecte a luminosidade de um céu crepuscular da manhã.
Incorporação:
Transferência - Museu Nacional de Arte Antiga
Origem / Historial:
Oferta do autor à Academia Real de Belas-Artes de Lisboa em finais de 1863, como prova de candidatura a Académico de Mérito, grau obtido em 8 de Janeiro de 1864. Pintada no Verão de 1863 com o título original Lo Stagno di La Levat, Creys. Realizado numa estada no Delfinado, França, no Verão desse ano (Costa, 1997). Integrado no MNAC em 1912. Intervenções de conservação e restauro: - A obra foi intervencionada em 2004 pela técnica Rita Vaz Freire. (Ver Doc. associada)
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Termos e Condições  separador  Ficha Técnica