MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contactos  separador  Ajuda  separador  Links  separador  Mapa do Site
 
domingo, 19 de novembro de 2017    APRESENTAÇÃO    PESQUISA ORIENTADA    PESQUISA AVANÇADA    EXPOSIÇÕES ONLINE    NORMAS DE INVENTÁRIO 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

 


 
     
     
 
FICHA DE INVENTÁRIO
Museu:
Museu Nacional do Teatro
N.º de Inventário:
7322
Supercategoria:
Arte
Categoria:
Traje
Denominação:
Peça"Romance".Cª Rey Colaço Robles Monteiro/T. da Trindade
Título:
Romance
Autor:
Amelia Rey Colaço
Datação:
1928 d.C.
Matéria:
Fio de seda preto; Pérolas; pele de coelho; pele de arminho; plumas; plástico prateado; fio laminado dourado.
Técnica:
Cetim; tafetá; bordado aplicado;
Dimensões (cm):
altura: .; largura: .;
Descrição:
Traje e adereços usados por Amélia Rey Colaço no 2º acto da peça "Romance", na versão de Robert de Flers e Francis de Croisset (1913) da obra de Edward Sheldon, apresentada no Teatro da Trindade em 1928; encenação de António Pinheiro. Vestido comprido de veludo cortado preto franzido na cintura, com manga a três quartos e ruches de veludo cortado preto; decote quadrado à frente com medalhão de pérolas. Casaco em pele de coelho branca com gola de rebuço decorada com pele de arminho, apertando à frente com pompons. Chapéu de pele de coelho branca com pluma branca. Regalo da mesma pele do casaco e do chapéu igualmente decorado com pele de arminho. Mala de missangas prateadas formando motivos geométricos, com borla na extremidade inferior em missangas prateadas e cordão de fio dourado. Colar, brincos e cruz de pérolas. Dois pares de sapatos de cetim preto com fitas para apertar no tornezelo, num dos pares de sapatos em cetim e veludo preto e no outro em cetim preto.
Incorporação:
Doação - Amélia Rey Colaço
Origem / Historial:
“Romance” de Edward Sheldon, na versão de Robert de Flers, Francis de Croisset. Tradução de Jorge Lesley (Alice Lafourcade Rey Colaço). Encenação de António Pinheiro. Cenários e figurinos de Amélia Rey Colaço. Interpretações de Amélia Rey Colaço, Álvaro Benamor, Robles Monteiro e Maria Lalande (estreou-se nesta peça).
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Termos e Condições  separador  Ficha Técnica