MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contactos  separador  Ajuda  separador  Links  separador  Mapa do Site
 
terça-feira, 21 de setembro de 2021    APRESENTAÇÃO    PESQUISA ORIENTADA    PESQUISA AVANÇADA    EXPOSIÇÕES ONLINE    NORMAS DE INVENTÁRIO 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

 


 
     
     
 
FICHA DE INVENTÁRIO
Museu:
Museu de Évora
N.º de Inventário:
ME 836
Supercategoria:
Arte
Categoria:
Pintura
Denominação:
Natureza morta com Peixes e Camarões e perna de Cordeiro
Autor:
Figueira, Baltasar Gomes, (n.1604 - f. 1674?)
Datação:
1640 d.C. - 1650 d.C.
Suporte:
Tela
Técnica:
Óleo
Dimensões (cm):
altura: 103; largura: 131;
Descrição:
Nesta natureza morta as peças encontram-se enquadradas numa janela, sobre um fundo escuro. Da parte superior, pendem vários peixes separados em pequenos intervalos enquanto que, pousados sobre o parapeito vemos, da esquerda para a direita, um prato raso de louça azul e branca recheado de camarões, um alguidar de barro com peixes, em frente do qual está um cutelo e uma perna de borrego que apresenta vários golpes. Na parte inferior da pintura encontra-se uma barra cinzenta. A luz incide a partir do lado direito, realçando o volume das peças, que contrastam com o fundo negro. Em termos de cor foi utilizado o cinzento, o negro e o vermelho, em várias tonalidades.
Incorporação:
Transferência - Transferência da Biblioteca Pública de Évora
Origem / Historial:
A pintura pertenceu à colecção de D. Frei Manuel do Cenáculo Villas Boas, Arcebispo de Évora. Esta colecção deu origem à colecção da Biblioteca Pública de Évora, vindo a pintura referida no inventário que desta colecção fez António Francisco barata em 1890, com o número 16. A 1 de Março de 1915, foi transferida para o Museu de Évora.
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Termos e Condições  separador  Ficha Técnica