MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contactos  separador  Ajuda  separador  Links  separador  Mapa do Site
 
quinta-feira, 27 de janeiro de 2022    APRESENTAÇÃO    PESQUISA ORIENTADA    PESQUISA AVANÇADA    EXPOSIÇÕES ONLINE    NORMAS DE INVENTÁRIO 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

 


 
     
     
 
FICHA DE INVENTÁRIO
Museu:
Museu Nacional de Arqueologia
N.º de Inventário:
E 198
Supercategoria:
Arqueologia
Categoria:
Escultura
Denominação:
Estatueta
Título:
Coleção Egípcia
Local de Execução:
Egipto
Centro de Fabrico:
Desconhecido
Datação:
XV a.C. - XI a.C. - Império Novo
Matéria:
Rocha metamórfica (anfibolito)
Técnica:
Escultura
Dimensões (cm):
altura: 5,6; largura: 3,4;
Descrição:
Estatueta fracturada pela cintura, restando a parte superior com cabeleira tripartida estriada, pêra divina, grande colar, membros superiores não individualizados e cavidade elíptica no peito para inscrustação de um escaravelho, já desaparecido. Vindas da fractura sobem duas asas incisas, de diferente tamanho, terminando a maior junto ao colar. No alto da cabeça encontra-se um orifício para adaptação de simbologia a qual, se ainda existisse, facilitaria a identificação. É possível que a estatueta representasse o deus Atum ou, num sincretismo conhecido, Khepri-Atum, pelo que a imagem teria forte conotação solar (Khepri associava-se ao nascer do sol e estaria aqui identificado pelo perdido escaravelho, e Atum significava o ocaso, sendo referido através da simbologia sobre a cabeça). (Luís Araújo)
Incorporação:
Transferência - Palácio Nacional das Necessidades
Proveniência:
Desconhecido.
Origem / Historial:
A peça foi transferida do Palácio Nacional das Necessidades (n º 5878). Exposta na " Sala do Egipto" até 1980 (vitrina 5).
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Termos e Condições  separador  Ficha Técnica