MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contacts  separator  Help  separator  Links  separator  Site Map
 
Saturday, June 25, 2022    INTRODUCTION    ORIENTED RESEARCH    ADVANCED RESEARCH    ONLINE EXHIBITIONS    INVENTORY GUIDELINES 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

 


 
     
     
 
OBJECT DETAILS
Museum:
Museu Nacional de Arqueologia
Inventory number:
994.7.1
Supercategory:
Arqueologia
Category:
Escultura
Name:
Estátua de Esculápio
Date / Period:
117 A.D - 138 A.D - Época Romana
Material:
Mármore
Measurments (cm):
height: 157; width: 54,7; thickness: 34,3;
Description:
Figura masculina, erecta, descansando sobre a perna esquerda, com o corpo coberto por um manto ("himation"), a mão esquerda apoiada num bastão ao qual se enrola uma serpente. A cabeça volumosa mostra uma face de olhos salientes, barba, bigode e cabelos encaracolados e fartos, cabelo atado na nuca. O manto cola-se aos contornos do corpo, a mão direita repousa sobre o peito saindo da dobra do manto numa pose helénica típica. A peça destinava-se a ficar encostada e por isso as costas são quase lisas. A estátua está jarretada, mão esquerda, punho do bastão e cabeça da serpente mutilados, a cara desfigurada, um manto e outras superfícies esborcinadas. Esta estátua representa o deus greco-romano da medicina Esculápio, portador do característico bastão com serpente enrolada. Sobre o corpo foi posta a cabeça-retrato de um personagem que já foi identificado como sendo o imperador Adriano, dadas as feições muito próximas com as imagens daquele imperador. Porém, tudo leva a crer que o retratado seja afinal o dominus, o proprietário da villa em questão. Trata-se de uma deificação privada. A escolha de Esculápio alude à profissão do representado, que era médico.
Incorporation:
Compra - Compra ao proprietário da herdade.
Provenance:
Herdade do Monte da Salsa
Origin / History:
Encontrada na Herdade do Monte da Salsa, Brinches, Serpa, em 1954, talvez no interior das termas romanas aí existentes. JUntamente com a estátua foram encontrados outros objectos que ficaram na posse do proprietário da herdade. Em 1972 o proprietário propõe a venda da estátua ao Museu, que a adquiriu pela quantia de 200.000$00, nesse mesmo ano.
Iconography and Heraldry

Type

Description

Image

Iconografia

Esculápio, deus da medicina

image

Heráldica/Insígnia

A serpente tem para os homens de época clássica o significado de vida que emerge das profundezas da terra, e é por isso símbolo de vitalidade e de saúde. A figura portadora do bastão com a serpente enrolada é por isso o herói e deus restaurador da saúde, o médico Asclépio ou Esculápio, cujo oculto foi comum em inúmeros santuários públicos e privados existentes em todo o mundo clássico, sendo frequentes as imagens do deus no interior das termas consideradas como locais propícios às curas. O imperador ou o possível médico são por esta forma heroicizados, prática muito comum no que respeita às figuras imperiais que por esta via se revestiam de uma dignidade pessoal acrescida, e menos comum no caso particular de médicos assimilados a Esculápio. Como quer que seja não é facil discernir se a função principal desta peça foi a do culto ao deus ou a da homenagem ao homem. Sobre o corpo foi posta a cabeça-retrato de um personagem que já foi identificado como sendo o imperador Adriano, iconografia que não repugna dadas as semelhanças com a fisionomia desse imperador, ou como o retrato de um médico desconhecido.(J.L.M)

image
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Terms & Conditions  separator  Credits