MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contactos  separador  Ajuda  separador  Links  separador  Mapa do Site
 
domingo, 23 de janeiro de 2022    APRESENTAÇÃO    PESQUISA ORIENTADA    PESQUISA AVANÇADA    EXPOSIÇÕES ONLINE    NORMAS DE INVENTÁRIO 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

 


 
     
     
 
FICHA DE INVENTÁRIO
Museu:
Museu Nacional de Arqueologia
N.º de Inventário:
Au 51
Supercategoria:
Arqueologia
Categoria:
Ourivesaria
Denominação:
Braçal de arqueiro
Datação:
Idade do Bronze Inicial
Matéria:
Ouro
Técnica:
Ouro laminado por martelagem
Dimensões (cm):
largura: 3,6; espessura: 0,1; comprimento: 12;
Descrição:
Braçal de arqueiro de forma sub-rectangular, ligeiramente encurvada longitudinalmente. É decorado em cada topo lateral por um cone repuxado, cuja base é contornada por uma linha de pontilhado a punção, apresentando ainda dois orifícios opostos, de cada lado, entre os dois cones. (Segundo ficha de Catálogo de Ourivesaria do MNA).
Incorporação:
Compra - Dr. J.L.Vasconcelos
Proveniência:
Vila Nova de Cerveira
Origem / Historial:
*Forma de Protecção: classificação; Nível de Classificação: interesse nacional; Motivo: Necessidade de acautelamento de especiais medidas sobre o património cultural móvel de particular relevância para a Nação, designadamente os bens ou conjuntos de bens sobre os quais devam recair severas restrições de circulação no território nacional e internacional, nos termos da lei nº 107/2001, de 8 de Setembro e da respectiva legislação de desenvolvimento, devido ao facto da sua exemplaridade única, raridade, valor testemunhal de cultura ou civilização, relevância patrimonial e qualidade artística no contexto de uma época e estado de conservação que torne imprescindível a sua permanência em condições ambientais e de segurança específicas e adequadas; Legislação aplicável: Lei nº 107/2001, de 8 de Setembro; Acto Legislativo: Decreto; nº 19/2006; 18/07/2006* Desconhecem-se as circunstâncias deste achado, bem como a sua proveniência exacta. J.L.Vasconcelos adquiriu a peça a um ourives, juntamente com a espiral nº Au 52. Admite-se que os dois objectos tenham sido encontrados em associação.
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Termos e Condições  separador  Ficha Técnica