MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contactos  separador  Ajuda  separador  Links  separador  Mapa do Site
 
sábado, 25 de junho de 2022    APRESENTAÇÃO    PESQUISA ORIENTADA    PESQUISA AVANÇADA    EXPOSIÇÕES ONLINE    NORMAS DE INVENTÁRIO 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

 


 
     
     
 
FICHA DE INVENTÁRIO
Museu:
Museu Nacional de Etnologia
N.º de Inventário:
AM.939
Supercategoria:
Etnologia
Categoria:
Ritual
Denominação:
Urna funerária
Autor:
Desconhecido
Local de Execução:
N'dalantando, Cuanza Norte, Angola
Grupo Cultural:
Ambaquista
Datação:
XX d.C.
Matéria:
Barro.
Dimensões (cm):
altura: 30,5; diâmetro: 22,5;
Descrição:
Vaso funerário, de barro vermelho, com o bojo semelhante ao de uma ânfora. Tem um bocal com rebordo chanfrado (tem 6 cm de diâmetro interior), com braços, seios, umbigo e sexo feminino figurados em relevo num dos lados do bojo.
Incorporação:
Compra
Proveniência:
Cemitério de Quibanda, N'dalantando, Cuanza Norte, Angola
Origem / Historial:
«Um pote de barro, ou uma urna (cat. 40, pág. 56), encontrado numa sepultura, tem características sexuais femininas e pode ter servido para celebrar uma dada mulher.» (MacGaffey, 2000: 54)
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Termos e Condições  separador  Ficha Técnica