MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contactos  separador  Ajuda  separador  Links  separador  Mapa do Site
 
domingo, 20 de agosto de 2017    APRESENTAÇÃO    PESQUISA ORIENTADA    PESQUISA AVANÇADA    EXPOSIÇÕES ONLINE    NORMAS DE INVENTÁRIO 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

 


 
     
     
 
FICHA DE INVENTÁRIO
Museu:
Palácio Nacional de Queluz
N.º de Inventário:
PNQ 293/4
Supercategoria:
Arte
Categoria:
Pintura
Denominação:
Cena de Merenda de Caça no Verão
Autor:
Desconhecido
Datação:
1767 d.C.
Matéria:
Óleo sobre tela
Dimensões (cm):
altura: 192 cm; largura: 156 cm;
Descrição:
Enquadrado por moldura "rocaille", com perfil em madeira e ornatos em "papier-machê" dourados, painel com óleo sobre tela, de pintura de cavalete, aplicada ao revestimento da parede, representando cena de merenda de caça no Verão, podendo constituír uma alegoria à estação do ano Verão. A cena é constituída por seis personagens, quatro homens e duas mulheres, sentados informalmente no chão, rodeados das suas armas e cão, que se entregam aos prazeres da conversação e da gastronomia. As figuras femininas são difíceis de identificar, pela aparência algo andrógina das figuras e pelo facto de as figuras femininas envergarem traje de caça, em moda no reinado de Luís XV, envergando casaca ou justaucorps, em quase tudo idêntico ao masculino, usado com saias; mesmo o penteado, com o cabelo empoado puxado para trás e com dois rolos sobre as orelhas, favorece essa ambiguidade. As senhoras são a que se reclina para o seu lado esquerdo, com o cotovelo apoiado na perna do cavalheiro a seu lado; usa casaca e colete brancos, de punhos salmão e adornos dourados e também laço salmão no cabelo. A outra figura feminina está sentada, em primeiro plano, de leque aberto, evidenciando calor. Usa casaca e saia salmão, com colete cor de grão e gorjeira ao pescoço. Atrás de si, um tricórnio preto, adornado com renda branca e fita salmão. São quatro as personagens masculinas. A primeira, sentada e do lado esquerdo da tela, trincha a carne e conversa; usa casaca verde, calças castanhas e botas altas. A seu lado, ao alto, as armas. Logo a seu lado, está outra figura masculina, que mal se vê, e que segura um copo. A terceira figura masculina, em cuja perna se apoia a dama reclinada, enverga calças cor de grão, casaca azul adornada, aberta e camisa branca, aberta junto ao pescoço; na cabeça tem um lenço, que talvez tenha molhado para se refrescar. O quarto homem está vestido de claro, de tricórnio preto e deita vinho da garrafa para o seu copo. Junto a si, está um galgo. Mesmo no canto, quase sem se vêr, a cabeça de outro animal. No chão, a toalha com as vitualhas, onde para além do pão e do vinho, se observa um peru ou frango. Presentes travessas e pratos em prata ou estanho e um polvilhador de açucar e uma pequena mostardeira. A estação do ano, Verão, é-nos sugerida pelos trajes leves e abertos das personagens e pelas várias garrafas postas a refrescar no pequenos ribeiro.
Incorporação:
Outro - Encomenda Real. Nº de ordem de 649 do cadastro de 1941.
Origem / Historial:
Fazendo conjunto com outros três painéis, poderão constituir uma alegoria às estações do ano. O tema da merenda de caça, a que os franceses chamam de "halte de chasse", é um tema de pintura de género, tanto quanto se sabe inédito entre nós.
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Termos e Condições  separador  Ficha Técnica