MatrizNet

 
Logo MatrizNet Contactos  separador  Ajuda  separador  Links  separador  Mapa do Site
 
sábado, 18 de novembro de 2017    APRESENTAÇÃO    PESQUISA ORIENTADA    PESQUISA AVANÇADA    EXPOSIÇÕES ONLINE    NORMAS DE INVENTÁRIO 

Animação Imagens

Get Adobe Flash player

   
     
   
Manifesto de uma Paixão – António Correia, Fotógrafo
Museu da Guarda



Apresentação

 


O Museu da Guarda protagoniza na exposição a merecida homenagem ao fotógrafo António Correia que, através do seu olhar crítico, analítico, expositivo, sentimental, estético, melhor registou a Guarda na sua plenitude. Homenagem mas também reconhecimento pela mensagem transmitida, pelo registo temporal, pelo documento oportuno, pela história em imagens. Privilegiando a impressão do quotidiano e da vida, os registos fotográficos de António Correia são de tal forma ricos de conteúdo que o seu poder temporal é ilimitado. A estética comum e ao gosto da época e do regime contrapunha com a sua criatividade, sensibilidade e prazer pessoal. Às imagens do real imprimia-lhe a sua inegável criação artística. É nesta perspectiva que a exposição tem um carácter inovador e um estatuto privilegiado ao revelar a componente criativa deste fotógrafo, já que a sua obra é fundamentalmente conhecida pelos registos que produziu sobre a cidade. Mas há muito mais para conhecer e divulgar pois António Correia não incorporou só a singularidade da cidade mas muitos outros aspectos.

Em face do espólio observado e dos exemplares, amplamente, conhecidos, restou-nos a opção estética e a referencial. Procurámos o registo artístico identitário, estético e documental. Assim se justifica a preferência pela estrutura temática da exposição; a neve, a cidade, os fragmentos da urbanidade e a relação povo – natureza – cultura.



imagem
 
     
     
   
     
     
     
 
Secretário Geral da Cultura Direção-Geral do Património Cultural Termos e Condições  separador  Ficha Técnica